CANOAS | ABC deixará gestão do HNSG e prefeitura adianta R$ 1,2 milhão para pagar salários atrasados

FOTO: Jaime Zanatta/GBC

Da redação | A Associação Beneficente Canoas (ABC) deixará a administração do Hospital Nossa Senhora das Graças (HNSG) e se comprometeu a apresentar uma nova entidade para a gestão da casa de saúde. Diante disso, o Município decidiu adiantar R$ 1,2 milhão, destinados ao pagamento de um mês de salário atrasado dos médicos. O valor é muito menor em comparação com a dívida que o hospital acumula, na ordem de R$ 130 milhões.

O acordo ocorreu após reuniões solicitadas pelo prefeito Luiz Carlos Busato e Sindicato Médico do Rio Grande do Sul (Simers) com o Ministério Público para tratar sobre a grave crise nas contas que atinge o hospital há décadas. A intenção é que a nova administradora reorganize as finanças e mude o sistema de gestão, com intuito de solucionar definitivamente o problema.

A ABC reconheceu os graves problemas de gestão. Diante dos promotores Rafael Russomanno Gonçalves e Sônia Madalena Silveira Bonilla, foram admitidas existência de contratos mal feitos, falta de controle na gestão de recursos, profissionais que recebem sem trabalhar e uma série de falhas que contribuíram, ao longo do tempo, para caos que se instalou no HNSG.

O adiantamento do valor tem como objetivo evitar uma greve, que causaria transtornos à população. Serve também para dar tempo para a mantenedora do hospital avançar as negociações para troca de gestão.

No dia 26 de novembro, um novo encontro entre prefeitura, MP, ABC e Simers vai ocorrer. O intuito é dar prosseguimento a um plano de salvação do hospital.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *