TRAGÉDIA NO CENTENÁRIO | Jovem morto por engano era de Cachoeirinha

Foto: Facebook/ Reprodução

Da redação | O jovem que foi morto a tiros dentro do Hospital Centenário, em São Leopoldo, era natural de Cachoeirinha. Gabriel Villas-Boas Minossi, 19 anos, foi executado por engano por um grupo que invadiu a casa de saúde na madrugada desta sexta-feira (9).

O alvo dos atiradores era Alex Júnior Abreu Tubiana28 anos. Na última quarta-feira (7), ele sofreu uma tentativa de homicídio em uma oficina do bairro Santos Dumont, em São Leopoldo. Tubiana foi internado no Centenário e, desde então, começou a sofrer ameaça. O paciente chegou a ser transferido de quarto.

Minossi deveria ter alta na quinta-feira (8), mas não conseguiu em virtude da pressão, que estava alterada. Por isso, ficaria mais um dia internado. O jovem havia sofrido um acidente de moto na BR-116, na semana passada.

Na foto acima, ele aparece ao lado do pai, Marcelo.

vítima gabriel centenário
Foto: Gabriel foi executado com pelo menos 20 tiros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *