Foto: Jaime Zanatta/GBC

Da redação | O traficante que morreu durante um confronto com agentes do Departamento Estadual de Investigações do Narcotráfico (Denarc) estava indo abastecer um ponto de venda de drogas no bairro São Luís, em Canoas. A ação era para ser realizada no inicio da noite da última terça-feira (14).

Segundo informações da Polícia Civil, os agentes estavam investigando os quatro acusados que integram uma facção criminosa e vendem entorpecentes em Canoas e em outros municípios da Região Metropolitana. Porém, enquanto trafegavam pela BR-116, os criminosos reagiram ao acompanhamento policial e dispararam contra os policiais. Eles revidaram.

O Instituto Geral de Perícias, trabalhou por cerca de 4 horas no local (Foto: Jaime Zanatta/ GBC)

No confronto armado, um dos bandidos morreu. Um segundo foi preso. Outros dois conseguiram escapar do local e seguem sendo procurados. Conforme o relato de testemunhas, armados, eles foram em direção ao campus da Universidade Luterana do Brasil (Ulbra).

O grupo estava em dois automóveis. Nos veículos, um emplacado em Canoas e outro em São Paulo, foram apreendidos aproximadamente 25 quilos de maconha.