VIAMÃO | Conivente, mãe pediu para que filha, de 12 anos, não contasse sobre abuso sexual

Foto: Polícia Civil/ divulgação

Da redação | Um casal foi preso pela Polícia Civil na manhã da última quinta-feira (06), em Viamão, por envolvimento no abuso sexual de uma menor. O homem, de 32 anos, foi condenado por cometer o crime contra a enteada, e a mulher, de 36, por omissão ao caso. Eles foram presos em casa, no bairro Itapuã.

As investigações iniciaram em 2015, após a avó da vítima ter denunciado as agressões. A menor era abusada desde os 12 anos. Os agentes descobriram que a menina era ameaçada de morte para que não divulgasse os atos de violência que sofria.

Mesmo contando para a mãe, o episódio não cessou, pois a mãe protegeu o companheiro, sendo conivente com a situação. Inclusive, a mulher pediu para que a filha não falasse sobre os crimes.

O homem foi condenado com pena de 15 anos, cinco meses e 15 dias. A mulher, a 14 anos, cinco meses e sete dias.

Agência GBC

Em Agência GBC, você encontra notícias de Canoas, da região e do RS, prestação de serviço, áudios, vídeos e muito mais.