Foto: Jaime Zanatta/ GBC

Foto: Jaime Zanatta/ GBC

Da redação | A 2ª Delegacia de Polícia Regional Metropolitana (2ª DPRM), coordenada pelo delegado Mario Souza, atingiu, neste mês, a marca de 1 mil suspeitos presos. A divisão considera os resultados, compilados desde janeiro, significativos, os quais são fruto de investigações envolvendo de todas as delegacias vinculadas à 2ª DPRM.

Quer mandar sugestões de pauta e flagrantes da sua cidade? Então, anote nosso WhatsApp: (51) 9 8917 7284

As ações ocorreram nos municípios de Canoas, Sapucaia do Sul, Guaíba, Esteio, Eldorado do Sul e Nova Santa Rita. A maior parte das prisões concentrou-se em Canoas.

O delegado Mario Souza explca as prisões são fruto de ações de enfrentamento principalmente aos crimes de homicídios, roubo de veículos, roubo a pedestre, roubo a residência, violência doméstica, contra o contexto da pedofilia e crimes sexuais. “O número expressivo de prisões vem do planejamento operacional e administrativo realizado para o ano de 2019 na 2ª DPRM”.

Além da produtividade, o titular da delegacia regional destacou também a busca por melhorias no atendimento ao público da região. “Por exemplo, hoje trabalhamos na DPPA de Canoas, em quase todos os momentos, com atendimento imediato da população para registrar ocorrência”.