Reprodução

Foto: Reprodução

Da redação | O fim de semana foi violento em Caxias do Sul, na Serra. Só neste domingo (18), duas pessoas foram mortas. Os crimes ocorreram de manhã e à tarde, elevando para 102 o número de vítimas de crimes violentos no município. Um dos assassinatos foi filmado pelo próprio atirador (veja abaixo). A Delegacia de Homicídios investiga os dois casos.

Relembre os casos:
Por volta de 10h, o corpo de Marcio Rodrigo Dias Cunha foi morto com quatro tiros na rua Luiz Covolan, na localidade de São Giácomo. Junto ao cadáver, foram encontrados cachimbo típico para consumo de crack e dois isqueiros. Cunha tinha antecedentes por furto, furto qualificado, roubo a pedestres, danos, ameaças, desacato, e lesão corporal e violência doméstica.

Mais tarde, às 15h, Wesley Rodrigues de Almeida foi morto com pelo menos cinco tiros na rua Adelino Andreatta Samorro, no loteamento Vale Verde. Um homem não identificado teria passado pelo local, atirado contra a vítima e fugido em um Kadett azul. Almeida tinha antecedentes por tráfico, porte ilegal de arma de fogo, roubo e furto. Ele estava em regime de prisão domiciliar e havia saído do sistema prisional dias antes ao crime.

Crime filmado pelo autor:
Um vídeo divulgado nas redes sociais mostra o momento em que Wesley Rodrigues de Almeida é atingido pelos disparos. O caso foi filmado pelo próprio autor do crime, que usa um casaco de cor azul clara. Nas imagens, é possível perceber que antes de ser acertado, Almeida está abaixado e mexendo no calçado. Segundo a Polícia Civil, embora não se tenha a identificação do atirador, a gravação indica que o caso pode estar ligado a facções criminosas.

Veja o vídeo abaixo: