FOTO: Jaime Zanatta/GBC

Foto: Jaime Zanatta/ GBC

Da redação | Os médicos do Hospital Nossa Senhora das Graças (HNSG) paralisam as atividades a partir desta quinta-feira (20). Em nota, o Sindicato Médico do Rio Grande do Sul (Simers) informou que existem relatos de profissionais com atrasos equivalentes a um ano.

Conforme a entidade, os profissionais devem suspender os atendimentos ambulatoriais e eletivos por tempo indeterminado. Somente casos de urgência e emergência serão mantidos.

Representantes do hospital haviam acenado com a possibilidade de quitar parte da dívida referente a um mês de trabalho, mas voltaram atrás, afirmando que a instituição não obteve linha de crédito junto ao banco e por isso não tem como efetuar o pagamento.

O Simers vai comunicar a situação ao Conselho Regional de Medicina do Rio Grande do Sul (Cremers), Ministério Público Estadual e Secretaria Municipal de Saúde de Canoas.

Leia também:
Divina Providência quer assumir a gestão do Nossa Senhora das Graças