Arquivo pessoal/ divulgação

Foto: arquivo pessoal

Da redação | Um menino de quatro anos morreu afogado em uma piscina, na noite de sábado (22), em Gravataí. A criança frequentava um retiro religioso em um sítio da zona rural do município, onde ocorreu a tragédia.

Alerta
Crianças necessitam de cuidados redobrados e sempre devem ter a presença de um responsável por perto para evitar acidentes com consequências mais graves.

É importante que os pais estejam atentos aos filhos e respeitem as regras de prevenção. Menores de 12 anos devem estar acompanhados pelos pais e usar colete salva-vidas.

Conforme os Bombeiros, deve-se evitar brincadeiras que coloquem a segurança em risco durante o nado ou mergulho e evitar mergulhos em locais com profundidade menor que o dobro da altura corporal.

Em caso de afogamento, o cidadão só deve tentar salvar a vítima caso esteja habilitado e em boas condições físicas para a ação. Caso contrário, tente se aproximar da vítima e lance algum objeto que a ajude a flutuar, ser puxada para um local seguro e acione o Corpo de Bombeiros.