Derli Colomo Jr/ Divulgação

Foto: Derli Colomo Jr/ Divulgação

Secom Canoas | O almoço desta segunda-feira (24) foi especial para os cerca de 200 usuários do Restaurante Popular de Canoas. Eles receberam uma ceia diferenciada, com direito inclusive a panetone de sobremesa. Além disso, o cardápio foi elaborado pensando na comemoração natalina.

O local recebe canoenses em vulnerabilidade econômica, como moradores de ruas e aqueles com renda mensal abaixo de dois salários mínimos. O público que participou do almoço elogiou a confraternização.

Para o aposentado Francisco Martins, que mora no bairro Estância Velha, “o natal é um momento de alegria e foi muito bom  poder participar da comemoração no Restaurante Popular”. Ele afirmou que o atendimento do restaurante é ótimo. “Tomara que ano que vem possamos ter o mesmo atendimento desta equipe especial”, disse. 

Preço acessível através de parceiras
O Restaurante Popular é viabilizado através da Lei de Solidariedade e beneficia pessoas em vulnerabilidade social. A cada dia, são oferecidas 200 refeições a custo de R$1,00 cada ao beneficiário. Para chegar ao valor acessível, todos parceiros do programa contribuem. O cálculo total de cada refeição é R$ 6,00.

As duas empresas, Atacadão e Tondo, contribuem com R$2,00 cada, em renúncia de ICMS do governo do Estado. A Prefeitura de Canoas repassa mais R$ 1,00 e o restante é pago pelo usuário. Nos casos em que as pessoas não têm condições de arcar com o valor, ele, então, é ressarcido pelo Executivo Municipal. Essas situações, em geral de moradores de rua, são avaliadas pelo Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua (Centro POP).

A gestão do restaurante é compartilhada entre Prefeitura de Canoas, que fornece o prédio, água, luz e equipe de nutricionistas, e a Acadef, que faz a administração financeira e administrativa.

O restaurante funciona de segundas a sextas-feiras, a partir das 11:30 até 13h,  na avenida Boqueirão, 2751.