FOTO: Internet/Redes Sociais

FOTO: Polícia Federal/Divulgação

Da redação | A Polícia Federal está nas ruas do Rio de Janeiro na manhã desta terça-feira (14) para cumprir mandados de prisão e de busca e apreensão na Operação Cadeia Velha, um desdobramento da Lava Jato. Os agentes estão na casa do do empresário Jacob Barata e do ex-presidente da Federação das Empresas de Transportes de Passageiros do Estado do Rio de Janeiro (Fetranspor), Lélis Teixeira, para cumprir mandados de prisão.

Entre os políticos que devem ser levados para prestar depoimento está o deputado Paulo Mello mas, segundo o delegado, ele não foi encontrado em casa na manhã desta terça, pois o apartamento está vazio e foi colocado à venda.

Os agentes também cumprem mandados de busca e apreensão em gabinetes da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj). A operação é um desdobramento da Operação Ponto Final, um desdobramento da Lava Jato no Rio que investiga desvios de verba no transporte público do estado.

Em julho, quando a operação Ponto Final foi deflagrada, foram presos o empresário Jacob Barata, Lélis Teixeira, o ex-presidente do Departamento de Transportes Rodoviários do Rio (Detro), Rogério Onofre, e mais de 10 pessoas envolvidas no esquema de corrupção.