FOTO: Polícia Civil/Divulgação

FOTO: Polícia Civil/Divulgação

Da redação | A Polícia Civil, por meio da 3ª Delegacia de Polícia Regional Metropolitana, em ação conjunta com a Brigada Militar, Polícia Rodoviária Federal, Polícia Rodoviária Estadual, Corpo de Bombeiro e Guardas Municipais, deflagrou a Operação Integração Sinos V, realizada durante a última quinta-feira (23) na região do Vale dos Sinos, Nova Hartz e Parobé. A ação visava combater crimes de furtos e roubos a pedestres, residências e veículos e tráfico de drogas, praticados na região. Ao total 65 pessoas foram presas, drogas, armas, munições, dinheiro, e veículos foram apreendidos.

Segundo o delegado Rosalino Constantino Seara, a operação objetiva combater o crescente número de crimes ocorridos na região do Vale dos Sinos, principalmente no que tange a crimes contra o patrimônio e tráfico de drogas. “A ação foi desenvolvida durante toda a quinta-feira, com as forças de segurança pública da região”, conta o delegado. Diversos mandados de busca e apreensão e mandados de prisão foram cumpridos pela Polícia Civil durante o dia. As instituições de segurança pública realizaram ações em São Leopoldo, Novo Hamburgo, Araricá, Campo Bom, Capela de Santana, Dois Irmãos, Ivoti, Lindolfo Collor, Morro Reuter, Nova Hartz, Parobé, Portão, Presidente Lucena, Santa Maria do Herval e Sapiranga.

Durante a intensiva, 65 pessoas foram presas, sendo 11 foragidos do sistema prisional recapturados. Foram apreendidas 9 armas de fogo, 96 munições de diversos calibres, crack, maconha, ecstasy e oito máquinas caça-níqueis. Três veículos que estavam em ocorrência de furto/roubo e uma motocicleta foram recuperados. Também foram realizadas fiscalizações nas ruas e estradas. Mais de 1500 pessoas foram abordadas, e mais de 1000 veículos, entre carros e motos, coletivos, caminhões e táxis fiscalizados. Três estabelecimentos foram autuados pelo Corpo de Bombeiros.