trensurb

Foto: Trensurb/ Divulgação

Da redação | Em nota divulgada nesta quarta-feira (27), a Trensurb informou que trabalha para colocar em funcionamento seus 15 novos trens, que haviam sido retirados de circulação em abril de 2016 por problemas nos rolamentos dos rodeiros das composições – modelo série 200, adquiridas em 2012. Seis dos 15 trens ainda não estão funcionando.

A constatação de novos problemas ao longo da manutenção tem gerado transtornos para a Trensurb. A previsão era terminar o reparo em outubro, mas ficou para abril de 2018 a entrega dos veículos.

Outros problemas, de ordem contratual com o fornecedor, também estão contribuindo para o atraso no cronograma.