FOTO: Vinicius Thormann/Prefeitura de Canoas

FOTO: Vinicius Thormann/Prefeitura de Canoas

Da redação | Representantes do Simers estiveram na última segunda-feira (8) na Unidade de Pronto Atendimento da Rio Branco, em Canoas, na Região Metropolitana de Porto Alegre. Eles foram verificar os problemas relacionados à administração do Gamp.

Na UPA, pacientes, funcionários e médicos, relataram que existem falhas constantes no abastecimento de remédios e nos insumos de baixa qualidade, que dificultam o atendimento. Problemas no relacionamento com a gestão também são apontados pelos médicos.

Salários atrasados

Na terça-feira (9), funcionários avisaram o Simers de que o pagamento de salários está novamente atrasado.

Procurada, a Gamp não atendeu aos telefonemas.