Da redação | O jornalista Carol Majewski de 52 anos, foi encontrado morto na noite de segunda-feira (15) no seu apartamento, na rua Riachuelo, centro de Porto Alegre. Carol morava sozinho no local.

O corpo foi encontrado pelo filho dentro do apartamento. Eles estavam há mais de 24 horas sem contatos. Majewski estava morto no quarto com sinais de facadas.

O delegado Gabriel Bicca, explica que a morte do jornalista pode ter acontecido ainda no domingo (14). “Não descartamos uma linha de investigação por latrocínio. O próximo passo será analisar as imagens das câmeras do prédio”, conta.

Não havia sinais de arrombamento na entrada da moradia. Segundo o delegado, alguns objetos de valor foram levados, mas os detalhes são mantidos em sigilo. O caso será investigado pela 1ª Delegacia Distrital, localizada na mesma rua do crime.

Majewski era conhecido por ter atuado na assessoria de imprensa na  Ordem dos Advogados do Brasil  no Rio Grande do Sul (OAB/RS).