Foto: Polícia Civil/ Divulgação

Da redação | A Polícia Civil prendeu na última semana, em uma ação conjunta com as forças de segurança de Santa Catarina, um homem por tentativa de homicídio e apreendeu um adolescente por homicídios.

Conforme a Delegacia de Polícia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DPHPP) de Canoas, a dupla cometeu os crimes no bairro Guajuviras, em Canoas, e estavam foragidos no estado catarinense.

Em janeiro, o menor, que tem 17 anos, foi identificado através de imagens filmadas por celular, executando Felipe Schardosin Ferrandis, 19. O adolescente matou com diversos tiros o jovem que apareceu nos registros com uma camisa da seleção brasileira de futebol. O vídeo teve repercussão nas redes sociais.

O outro jovem, de 18 anos, tentou matar Wesley Blauton Rodrigues, 19, no dia 08 de janeiro. Durante a ação, o criminoso portava uma pistola e efetuou quatro disparos na vítima, que estava em via pública, próxima a um mercado. A vítima foi atinginda na perna, no ombro e na cabeça.

Segundo as investigações, nesse crime, ambos os detidos nesta semana tiveram participação no assassinato. O adolescente infrator foi responsável por dirigir o veículo utilizado na ocasião.

Para a Polícia Civil, a motivação para os dois crimes é a disputa pelo tráfico de drogas na região do bairro Guajuviras. Os criminosos, que são amigos, executaram os rivais para tomar pontos de tráfico.

O adolescente infrator tem registros policiais por homicídio, tráfico de entorpecentes e adulteração de sinal identificador de veículo.

O outro envolvido possui antecedentes por roubo a pedestre, roubo a veículo, roubo a estabelecimento comercial, posse ilegal de arma de fogo, receptação, adulteração de sinal identificador de veículo, ameaça e homicídios.

O preso e o menor ja foram trazidos para o Rio Grande do Sul e encaminhados ao sistema prisional e sócio educativo.