FOTO: Redes Sociais/Reprodução

Da redação | O homem suspeito de esfaquear Oneide de Oliveira de 40 anos, na última segunda-feira (2), em Sapucaia do Sul, se apresentou na 1ª Delegacia de Polícia de Sapucaia do Sul.

Conforme informações do delegado Fernando Siqueira, que investiga o caso, o homem assumiu ter golpeado a vítima e alegou legítima defesa. O acusado que não teve a identidade divulgada era sogro da vítima.

Depois de prestar depoimento, o homem foi liberado.

Como foi o crime

O caso aconteceu na Travessa José Joaquim, no bairro Cohab. Oneide estava na casa de um vizinho, quando teria discutido com o agressor antes de ser atingido no pescoço. De acordo com o boletim de ocorrência, ele tinha ido até o vizinho pedir para esquentar a água do chimarrão. Enquanto esperava, Oliveira começou a discutir com outro homem.

Depois de ser atingido, Oneide ainda chegou a correr para dentro da residência, mas acabou voltando e caindo no chão sem vida. O Samu chegou a ser acionado, mas o homem morreu no local.

Conforme o relato de populares e de familiares, ele agiu depois de escutar relatos de que a filha estaria sendo agredida e ameaçada pelo ex-companheiro. O motivo era que a vítima não aceitava a separação do casal.