Alex Schneider

FOTO: Alex Schneider/GBC

Da redação | Um homem de 59 anos foi condenado a 16 anos e oito meses de reclusão por estuprar a sobrinha e a afilhada da ex-namorada, em Dois Irmãos. O policial militar aposentado está preso no Presídio Policial Militar, em Porto Alegre, desde 30 de maio de 2017 e não poderá recorrer da condenação em liberdade.

Segundo informações da Polícia Civil, a vítima tinha 11 anos quando denunciou os crimes. Ela contou para os policiais, que o ex-namorado da tia costumava lhe presentear com bonecas, calçados, dinheiro e doces.

Era com os presentes, que o homem atraía a menina até a casa dele. No local, ele colocava filmes pornográficos na TV do quarto e cometia os crimes. Para a criança, ele dizia que ninguém poderia ficar sabendo.

O crime vinha acontecendo desde outubro de 2016. Porém, o estupro só foi consumado em maio de 2017. Antes de contar para os policiais, a vítima contou para a irmã. Em casa, ela disse que estava indo para aula, mas na verdade foi para a casa do acusado.

Antes da prisão, a Polícia Civil apreendeu 65 DVDs de filmes pornográficos na residência do condenado.