Arquivo Pessoal

FOTO: Arquivo Pessoal/Reprodução

Da redação | Os ministros do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) adiaram a decisão sobre o indeferimento da candidatura do prefeito de São Leopoldo, Ary Vanazzi (PT), nas eleições de 2016. A votação do recurso aconteceu na última quinta-feira (3) em Brasília e deve ser analisado na próxima terça-feira (8).

Esta foi mais uma etapa do processo que corre há mais de um ano e meio na Justiça Eleitoral, questionando a legalidade da candidatura do petista, que foi condenado pelo Tribunal de Justiça em 2014 por improbidade administrativa ao utilizar dinheiro público na organização do IV Fórum de Políticas da Juventude do Mercosul, ocorrido em 2007, e, por isso, estaria inelegível por três anos.