Foto: Andressa Boeira/ Divulgação

Da redação* | A Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal da Saúde (SMS) lembra que falta apenas uma semana para o fim da Campanha Nacional de Vacinação Contra a Influenza. A população que integra os grupos prioritários para imunização tem até 1º de junho para buscar a vacina nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) do município. Até o momento, 77.473 doses foram aplicadas em Caxias do Sul. O número representa 66,97% da população-alvo.

Crianças e gestantes são os grupos prioritários com menor adesão à campanha. O índice de cobertura é de cerca de 40% em ambos. Entre os idosos, o percentual de vacinação supera os 80%. A expectativa da Vigilância Epidemiológica é imunizar 115 mil pessoas até o fim da campanha, o que representa 90% da população-alvo.

Neste ano, 18 pessoas já foram hospitalizadas em Unidades de Tratamento Intensivo (UTI) em Caxias do Sul com Síndrome Respiratória Aguda Grave, sendo dois por Influenza A H3 (gripe sazonal) e três por Vírus Sincicial Respiratório (VSR). Outros 13 casos aguardam confirmação de exames.

O objetivo da Campanha Nacional de Vacinação Contra a Influenza é reduzir as complicações, as internações hospitalares e a mortalidade decorrentes das infecções pelo vírus da gripe. Devem ser vacinadas pessoas acima de 60 anos, crianças na faixa etária de seis meses a menores de cinco anos, gestantes, mulheres que deram à luz até 45 dias, trabalhadores da saúde, povos indígenas, portadores de doenças crônicas não transmissíveis (que devem apresentar prescrição médica) e professores.

A vacina é contraindicada para pessoas com histórico de reação anafilática em doses anteriores, bem como a qualquer componente da vacina, ou alergia grave relacionada ao ovo de galinha. Para o público em geral, as reações em decorrência da imunização são,normalmente, leves, como dor no local da aplicação.

*Com informações da PM de Caxias do Sul

Quinta Parcial Campanha Influenza

Público

Número de doses

Percentual

Crianças

10.601

41,73%

Gestantes

1.888

41,43%

Puérperas

613

81,84%

Trabalhadores de Saúde

8.754

71,84%

Idosos

39.288

81,59%

Total População-alvo

61.144

66,97%

Doentes Crônicos

13.641

Professores

2.688

Total doses aplicadas

77.473