FOTO: Polícia Rodoviária Federal/Divulgação

Da redação | Uma colisão entre dois carros deixou um adolescente de 12 morto na última segunda-feira (23) na BR-287, em Jaguari, na Região Central. Sete pessoas ficaram feridas.

Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal, o acidente ocorreu em um trecho de curva nas proximidades da localidade do Chapadão, com ultrapassagem proibida. O Gol, guiado por um homem de 37 anos que seria tio da vítima, seguia no sentido Santiago-Jaguari e atingiu de frente o Fiat Toro, que vinha em sentido contrário.

Conforme a PRF, o motorista do Fiat Toro jogou o veículo para o acostamento na tentativa de evitar a colisão. Mas o motorista do Gol fez a mesma manobra, levando os dois carros a baterem de frente.

A vítima foi identificada como Kauã da Silva Silveira, que estava no banco de trás do Gol. O menino sofreu múltiplas fraturas, como ruptura do baço e do abdômen. Ele chegou a ser encaminhado para o Hospital de Santiago, mas não resistiu aos ferimentos.

No Gol, também havia duas mulheres,mãe e vó do adolescente, de 39 e 61 anos. O motorista, que foi projetado para fora do carro, não correu risco de morte. No Fiat Toro, que era dirigido por um homem de 62 anos, também estava uma mulher de 54 anos e as filhas do casal, ambas de 24 anos. A PRF acredita que os ocupantes não tenham sofrido ferimentos mais graves por estarem de cinto de segurança.