FOTO: Polícia Civil/Divulgação

Da redação | Um homem de 36 anos foi preso preventivamente na última quinta-feira (2) por suspeita de homicídio. A ação foi realizada pelos agentes da 2ª Delegacia de Polícia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DPHPP).

Conforme informações da Polícia Civil, o acusado teria agredido e matado um idoso de 61 anos, em junho. A companheira da vítima também sofreu uma tentativa de homicídio do preso.

No dia do crime, a companheira foi assediada na saída de uma festa no Centro de Porto Alegre, o que acabou motivando a discussão entre os dois homens. Durante a briga, o suspeito começou a chutar e a soquear o homem de 61 anos, que não resistiu aos ferimentos e acabou morrendo.

A companheira até tentou apartar a briga, mas foi agredida e quase enforcada com um fio. Quando conseguiu fugir, ela tentou buscar ajuda em um bar e se trancou no banheiro. O acusado foi até o local e tentou arrombar a porta, mas foi detido por populares que acionaram a polícia.

O preso tem antecedentes por ameaça, lesão corporal, dano e violação a domicílio.