FOTO: Polícia Civil/Divulgação

Da redação | 27 pássaros silvestres foram apreendidos pela Polícia Civil, em Canoas, na Região Metropolitana. Os animais seriam vendidos de forma irregular.

Segundo o delegado Marco Guns, a Polícia Civil recebeu informações de denúncia anônima de que existiriam animais silvestres de forma irregular em uma residência na cidade de Canoas. “A ação faz parte da Operação Ambiente Sustentável, que busca coibir diversos crimes ambientais, entre eles crimes praticados contra a fauna silvestre ou nativa”, explicou o delegado. Foram encontrados 27 pássaros de diversas espécies, tais como trinca ferro, azulão, canário da terra e coleiro.

Durante as buscas, além dos pássaros, foram apreendidos: celular e máquina de cartão de crédito. “Essas apreensões corroboram as denúncias de que os animais seriam vendidos no varejo”, acrescentou Guns. Durante a ação, o suspeito não se encontrava na casa.