FOTO: Derli Colomo Júnior/Prefeitura de Canoas

Da redação* | A Prefeitura de Canoas vai iniciar, nas próximas semanas, a reforma de cinco Unidades Básicas de Saúde (UBSs) em vários bairros da cidade, com investimento de R$ 2,7 milhões. Além das reformas, as unidades também serão ampliadas e terão maior número de consultórios e salas, o que irá fazer com que o atendimento nas unidades seja mais rápido e confortável aos canoenses. Juntas, estas cinco UBSs atendem mais de oito mil pessoas por mês, que serão diretamente beneficiadas.

Serão reformadas e ampliadas as unidades Caic, Cerne, Nova Niterói, Mato Grande e Prata. Elas se juntam à construção da nova unidade de saúde São Vicente, que terá um prédio novo, com mais equipes de saúde.

A atenção com a qualidade da saúde pública de Canoas tem passado por diversas transformações desde o início de 2017. O cenário de anos passados era de profunda preocupação. Existiam estruturas sucateadas nas unidades de saúde, como a situação extrema de dois andares inteiros fechados no Hospital Universitário (HU), e uma fila de 153 mil de consultas, exames e cirurgias, algumas atrasadas há cinco anos.

Para transformar estas, e outras dificuldades, a Prefeitura de Canoas fez um esforço, zerando a fila de procedimentos, reabrindo leitos em hospitais e fiscalizando com amplo rigor os valores pagos aos parceiros do Poder Público. Estas iniciativas contribuíram com a significativa melhora na qualidade dos serviços em saúde. Mas ainda há muito o que fazer e, por isso, o Executivo Municipal segue atento às dificuldades da operacionalização das unidades de saúde.

Umas dessas medidas é a reforma e ampliação das Unidades Básicas de Saúde. Já em construção, a UBS São Vicente se soma à reforma e ampliação de cinco unidades. Os novos prédios terão ampliação de salas para comportar mais equipes de saúde, serão mais modernos e confortáveis.

O prefeito de Canoas, Luiz Carlos Busato, salienta que o alto investimento na melhoria das estruturas das unidades de saúde vem para atender uma das principais metas da gestão. “Além de colocar em dia os procedimentos represados, diminuir a falta de remédios nas farmácias e ampliar o número de leitos em hospitais, vamos deixar um legado para Canoas com estas obras. As reformas e ampliações dessas unidades vêm para melhorar a vida de milhares de canoenses que necessitam da atenção básica da saúde”, afirma.

Serão reformadas e ampliadas as seguintes unidades:

UBS CAIC:

Investimento: R$ 458.401,30

Melhorias: Após a reforma, a unidade terá nove consultórios médicos e três consultórios odontológicos. Também receberá adequação da estrutura física e reforma geral da unidade existente em área de 570,05 m².

CERNE:

Investimento: R$ 606.229,63

Melhorias: Construção da ampliação área de 179,35 m², composto de sala de espera, recepção, sanitários para pacientes com deficiência, sala de triagem, sala de vacina, sala de curativos, sala de inalação, sala de utilidades, sala de esterilização, sala de reunião de grupo.

NOVA NITERÓI:

Investimento: R$ 437.792,57

Melhorias: Ampliação de área em 97,14 m², composta de três novos consultórios indiferenciados, um consultório diferenciado com sanitário, almoxarifado, sala de grupo e espera setorial. A unidade também receberá reforma geral na área já construída.

MATO GRANDE:

Investimento: R$ 507.302,42

Melhorias: Está prevista a reforma da unidade existente e ampliação em 205,28m². Após a obra, a UBS terá sete consultórios médicos e três consultórios odontológicos, além de receber melhoria na infraestrutura física.

PRATA:

Investimento: R$ 689.147,00

Melhorias: Está prevista a melhoria da estrutura e ampliação. Após a reforma e ampliação, a unidade terá cinco consultórios médicos e dois consultórios odontológicos, além da melhoria da infraestrutura física.

*Com informações da Prefeitura de Canoas