Foto: Jaime Zanatta/GBC

FOTO: Jaime Zanatta/GBC

Os metroviários devem entrar em greve por tempo indeterminado a partir da meia-noite da próxima quarta-feira (03). A decisão foi tomada na tarde desta sexta-feira, durante assembleia geral da categoria.

“Devido ao recuo nas negociações do acordo coletivo de escalas por parte da direção da Trensurb, os metroviários e metroviárias decidiram entrar em greve por tempo indeterminado”, diz nota do Sindicato dos Metroviários (Sindimetrô/RS).

Uma nova assembleia está agendada para a terça-feira (02) com objetivo de “discutir os rumos do movimento e organizar a paralisação”.

Conforme o sindicato, o debate sobre a renovação do acordo coletivo se iniciou em maio, mas apenas três itens impediram a assinatura. Ainda de acordo com o sindicato, contudo, em 31 de agosto, a Trensurb havia recuado nas discussões “de forma unilateral”. Para os metroviários, tal atitude foi recebida com surpresa, visto que apenas detalhes impediam o fechamento do acordo.

“O Sindimetrô/RS ressalta que sempre buscou encontrar soluções para os impasses através do diálogo, mas o inexplicável retrocesso por parte da empresa levou a categoria a decidir pela greve. Agora é hora de mostrar unidade e força para garantir o acordo de escalas”, fecha a nota da entidade.