Foto: Polícia Civil/ Divulgação

Foto: Polícia Civil/ Divulgação

Da redação | Agentes da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA) de Canoas prenderam, na tarde desta segunda-feira (22), um homem de 36 anos, no bairro Mathias Velho, suspeito de estupro de vulnerável. A ação policial foi coordenada pelo delegado Pablo Queiroz Rocha, em cumprimento a mandado de prisão preventiva, expedida pela Justiça de Canoas.

O homem já havia sido preso em flagrante em 2015 e foi condenado à pena privativa de liberdade, em regime inicial fechado, de 14 anos e seis meses de reclusão. Na ação dessa segunda, ele foi encontrado em casa.

O condenado foi encaminhado à Central de Polícia e posteriormente ao sistema prisional.