Foto: Polícia Civil/Divulgação

Da redação | Um homem foi preso por porte ilegal de arma de fogo no último sábado (16). Cinco armas foram apreendidas durante a ação da Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco).

As investigações apontaram que ocorreria um transporte dessas armas de Montenegro para a cidade de Canoas que poderiam ser vendidas no mercado “paralelo”, para criminosos da região. Em razão desta informação, os policiais civis passaram a monitorar o alvo até identificar onde estava o armamento apreendido.

Foram apreendidas cinco armas de diferentes calibres em uma residência comum, local que não despertava suspeitas. O delegado Thiago Lacerda afirma que as investigações continuam e serão aprofundas para identificar também quais suspeitos comprariam em Canoas essas armas.

Já o diretor da 2ª Delegacia de Polícia Regional Metropolitana de Canoas, delegado Mario Souza afirmou que foi necessária e importante para o enfrentamento ao crime em geral a retirada dessas armas de circulação. “Os policiais irão apurar se esse armamento iria para o uso em crimes patrimoniais, tráfico ou contra a vida”, esclareceu Souza.