Foto: Arquivo Pessoal/Reprodução

Da redação | Um empresário foi morto a tiros em uma tentativa de assalto na última quinta-feira (21) em Erechim, no Norte do Rio Grande do Sul. A vítima foi identificada como Rogério Paulo Soccol de 58 anos.

Segundo a Polícia Civil, dois homens chegaram em uma motocicleta a uma autopeças e anunciar o assalto. Funcionários da loja foram rendidos. Porém, o empresário reagiu ao assalto e entrou em luta corporal com os criminosos. Rogério foi atingido na cabeça por um tiro. Ele chegou a ser levado para o hospital, mas não resistiu aos ferimentos.

Os criminosos fugiram em um carro roubado. Durante buscas das policiais Civil e Militar, a dupla foi presa. Um deles, Bruno Máximo de Campos de 21 anos, estava foragido do Presídio Estadual de Erechim desde o último domingo (17). Ele é considerado de “alta periculosidade”, com diversas passagens pela polícia por roubo a mão armada, tráfico de drogas e grave amaeaça.

Em depoimento, Bruno confessou a autoria do crime. Na oitiva, Campos afirmou que planejou o assalto, porque precisava de dinheiro para fugir do município.