Foto: Policia de Misiones/Divulgação

Da redação | A polícia de Misiones, uma província Argentina, prendeu na tarde deste sábado (18), Davi dos Santos Mello de 20 anos. Ele é apontado como um dos autores do assalto a joalheria que terminou na morte de pai e filho, em Estância Velha, no Vale do Sinos. O crime aconteceu no dia 10 de abril.

Os detalhes da prisão do foragido pela polícia argentina ainda não são conhecidos da polícia brasileira. O delegado Márcio Niederauer, de Estância Velha, está cuidando de trâmites burocráticos para que Mello seja entregue à polícia brasileira. As informações iniciais, dão conta que a prisão teria ocorrido após a abordagem do veículo em que estava o suspeito.

Um já estava preso

O outro apontado como autor do crime, Rafael Santos Domingues de 19 anos, está preso desde 23 de abril. Segundo a Brigada Militar (PM), ele estava com a companheira, escondido na casa da mulher de um traficante, em Portão, e, ao perceber a chegada dos policiais, tentou escapar. Ele também era considerado foragido da Justiça.