Foto: Polícia Civil/ Divulgação

Da redação | Agentes da 1ª Delegacia de Polícia (1ª DP) de Canoas, coordenados pelo delegado Rafael Soares Pereira, prenderam três homens por tráfico de drogas e associação ao tráfico.

Quer mandar sugestões de pauta e flagrantes da sua cidade? Então, anote nosso WhatsApp: (51) 9 8917 7284

As investigações realizadas pelo setor de inteligência, a partir de uma denúncia anônima, levaram os policiais ao local onde foi possível observar, em uma esquina movimentada, a atividade do tráfico de drogas.

Após realizada a abordagem, os agentes encontraram drogas enterradas e dinheiro em posse de um dos presos. Os outros dois homens abordados eram responsáveis por realizar a oferta de entorpecentes e pela atividade de campana, evitando que o ponto de tráfico fosse descoberto por policiais.

A venda de drogas era realizada em via pública, nas proximidades de uma escola municipal. No local, foram apreendidos crack, maconha e cocaína.

A ação faz parte de uma operação permanente denominada Anjos da Lei, com objetivo de desarticular o tráfico de drogas em áreas escolares.

“Seguiremos investigando todos os indivíduos ligados ao tráfico de drogas, essa averiguação se faz ainda mais necessária quando nos deparamos com o tráfico em locais perto de escolas”, conta o delegado Rafael Pereira.

O diretor da 2ª Delegacia de Polícia Regional Metropolitana (2ª DPRM), delegado Mario Souza, expõe que “as prisões da Anjos da Lei são as mais importantes no âmbito da atividade de tráfico de drogas. É inadmissível que crianças e adolescentes tenham que conviver com essa situação e com a oferta de entorpecentes”.

Após os trâmites legais, os presos foram encaminhados ao sistema prisional, ficando a disposição da Justiça.