Da redação | Uma mulher de 62 anos procurou o pronto-socorro do Hospital Pompéia, em Caxias do Sul, na noite desta quarta-feira (23), após ter sido vítima de agressões praticadas pelo seu ex-companheiro, de 65. A Brigada Militar foi até a casa de saúde e ouviu seu relato.

De acordo com ela, o homem foi até sua casa, embriagado, e com um cachorro na corrente. A idosa, então, disse para que saísse do local, pois existe uma medida protetiva contra ele. A solicitação não foi atendida, e o agressor desferiu um soco na boca, derrubando-a no chão e provocando lesões no lábio superior e um corte na boca.

Na sequência, o cachorro começou a latir, e o dono do cão o soltou. Com isso, o animal, que seria sido orientado a atacar, causou lesões na perna da mulher, provocadas pelas mordidas.

O caso será investigado pela Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam) de Caxias do Sul.