Foto: Polícia Civil/Divulgação

Da redação | A Polícia Civil prendeu na manhã desta terça-feira (29) cinco criminosos que integravam uma quadrilha especializada em roubar carros na Região Metropolitana, no Vale do Sinos e no Vale do Caí. As vítimas eram só mulheres.

Quer mandar sugestões de pauta e flagrantes da sua cidade? Então, anote nosso WhatsApp: (51) 9 8917 7284

Conforme a investigação coordenada pelo delegado Rodrigo Zucco, titular da 2ª Delegacia de Polícia de São Leopoldo, o grupo preso seria responsável pela clonagem dos automóveis, e a investigação continua agora na tentativa de chegar aos ladrões. Nove veículos roubados foram apreendidos durante a investigação, cinco deles na madrugada desta terça-feira, em Novo Hamburgo.

Como agiam os bandidos

A quadrilha tinha como tática atacar mulheres motoristas no momento em que saíam de suas residências, ou quando estacionavam em locais mais afastados das áreas centrais, alguns dos integrantes, porém, também praticavam furtos. O maior número de roubos investigados ocorreu em Novo Hamburgo e na zona norte de Porto Alegre, mas houve casos também em Montenegro e Canoas.

Os cinco suspeitos foram detidos em uma residência às margens da RS-240, em Novo Hamburgo, que era usada para clonagem de veículos. No local, além dos carros roubados, foram apreendidos materiais usados para adulteração dos automóveis, máscaras usadas nos roubos, celulares e aparelhos que bloqueiam sinal de GPS.

Os carros roubados eram clonados, revendidos ou usados para a prática de outros roubos.