Foto: Jaime Zanatta/ GBC

O sábado (30) foi movimentado no bairro Fátima, em Canoas. A Polícia Civil e o Instituto-Geral de Perícias localiaram dois cadáveres em um mesmo terreno, na Av. Guilherme Schell, nas proximidades de uma empresa.

À tarde, os agentes se deslocaram até o endereço e encontraram o corpo de um homem, que não teve a identidade revelada. A polícia apurou que a vítima havia discutido com outro homem, que foi preso também nesse sábado.

A briga ocorreu no dia 22 deste mês. Na sequência do desentendimento, o criminoso agrediu a vítima com golpes de barra de ferro. Na manhã do dia seguinte, dia 23, ele teria ateado fogo no corpo, que estava em cima do sofá.

A vítima seria ex-cunhada do autor do assassinato.

Nesse sábado, os policiais encontraram partes do corpo: apenas o tórax e a cabeça dele, carbonizados.

Mais tarde, já no início da noite, a divisão de homicídios de Canoas localizou mais um corpo, no mesmo terreno. A perícia ainda não soube precisar se é a ossada pertence a um homem ou uma mulher.