Foto: Jaime Zanatta/ GBC

O homem de 43 anos que foi preso em um terreno no bairro Fátima, em Canoas, confessou ter matado três pessoas. Ele foi preso no último sábado pela Polícia Civil na Avenida Guilherme Schell.

Quer mandar sugestões de pauta e flagrantes da sua cidade? Então, anote nosso WhatsApp: (51) 9 8917 7284

O primeiro corpo encontrado no local foi de um homem de 25 anos. Ele estava desaparecido desde o dia 23 de novembro. A vítima e o acusado discutiram durante uma confraternização. Uma terceira pessoa presenciou o crime e contou para os agentes da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) que o homem foi morto com golpes de barra de ferro. Na manhã seguinte, o criminoso esquartejou e ateou fogo no corpo.

Quando buscavam o cadáver do desaparecido, nos fundos do terreno com o apoio do Corpo de Bombeiros, os policiais encontraram um corpo feminino. Na terça-feira (3) duas pernas foram encontradas. Já na última quinta (5) um terceiro corpo foi encontrado no local.

Nenhuma identidade foi divulgada até o momento, já que os policiais aguardam a conclusão de laudos do Instituto Geral de Perícias (IGP). O nome do preso também não foi revelado.