Uma criança de nove anos foi estuprada pelo pai, um homem de 38 anos. Conforme a Polícia Civil, no momento do crime, a menina rezava em voz alta.

O homem foi preso na última segunda-feira (10). Segundo a delegada Grace Jardim, titular da Delegacia Interativa de Polícia (DIP), o indígena foi dormir na casa da ex-companheira dele, uma mulher de 34 anos. Ele chamou as filhas, a criança de nove anos e uma adolescente de 12, para dormirem com ele.

A adolescente chegou a sair do quarto antes do crime. “Na noite do crime, o homem, que é indígena, aliciou a menina de nove anos, porém, ela começou a rezar em voz alta no momento em que ele tentou tirar o short dela. Após tomarmos conhecimento do caso e solicitarmos os exames, que deram positivos, representei pela prisão preventiva dele”, informou a delegada.

O autor foi preso no momento em que tentava fugir. O homem foi indiciado por estupro de vulnerável, ele vai responder, também, por ameaça e violência doméstica. Ao término dos trâmites cabíveis, ele vai ficar custodiado na delegacia, à disposição da Justiça.