Foto: Arquivo/ Vinicius Thormann

Com a falta de apoio da iniciativa privada, a Prefeitura de Canoas decidiu cancelar o carnaval 2020 e, com isso, aplicar mais recursos para a saúde. A prefeitura projeta economizar mais de meio milhão de reais.

De acordo com a administração municipal, esse recurso vai contribuir para a conclusão da Clínica de Saúde da Criança e também para a compra de equipamentos para a unidade que vai funcionar 24h no Hospital Universitário.

Em 2019, os recursos foram direcionados para a reforma da UPA Caçapava e para as obras do novo prédio da UBS Santa Isabel, que estão em execução.

O prefeito Luiz Carlos Busato destacou que, mais do que nunca, a gestão eficiente dos recursos municipais é necessária para garantir os serviços essenciais à população.

“Espero contar com a compreensão da comunidade carnavalesca que acompanhou todo o nosso trabalho durante o ano para viabilizar o carnaval sem custos aos cofres públicos. Infelizmente não tivemos apoio da iniciativa privada. Vivemos em um momento de crise no país, que exige que façamos escolhas. Estamos priorizando a saúde da nossa população”, assinalou Busato.

Em princípio, eventos tradicionais de Canoas, como a Festa do Trabalhador, a Semana de Canoas, a Feira do Livro e a Semana Farroupilha serão mantidos. Já outras iniciativas vão passar por avaliação orçamentária, enquanto a prefeitura segue em busca de patrocínios para garantir as atividades.