Foto: Pablo Reis/Prefeitura de Canoas

Por meio das Secretarias Municipais de Obras (SMO) e de Projetos Estratégicos (SMPE), a Prefeitura de Canoas trabalha na ampliação do Parque Industrial Jorge Lanner e na geração de 300 novos lotes a serem vendidos para futuros empreendimentos no local. O investimento de R$ 318 mil também transforma a Rua Ary Dias Fontoura no principal acesso à Usina de Reciclagem de Resíduos da Construção Civil (RCC) e a segunda parte do Jorge Lanner, dois importantes pontos do bairro Niterói para a economia da cidade.

Desde que a lei de incentivos fiscais e econômicos se tornou realidade pela atual gestão, em 2018, cresce o protagonismo de Canoas na indústria do Rio Grande do Sul. Quanto mais as empresas criam postos de trabalho e cursos de qualificação profissional aos canoenses, mais benefícios recebem, além de descontos e isenção de impostos. “Milhares de empresas, de pequeno e médio porte foram criadas nos três últimos anos. A tendência é ainda melhor, diversas outras serão atraídas para cá, principalmente no ramo da tecnologia e inovação”, revela o secretário interino de Desenvolvimento Urbano e Habitação, Daniel Leite.

A Aeromot, influenciada por estes benefícios, decidiu instalar-se no distrito industrial Jorge Lanner e, agora, aguarda a liberação dos lotes. “Começamos há 15 dias, fizemos cortes, aterros, compactação e agora estamos em fase final de aprovação para começar a licitar em breve”, disse o secretário adjunto de Projetos Estratégicos, Lauri Henrique Bastos.