Um homem de 41 anos foi preso suspeito de estuprar uma menina de 12 anos em Itaara, na Região Central. A prisão dele é preventiva.

O suspeito é familiar da vítima. Porém o responsável pelo caso, delegado Gabriel Zanela, não repassou mais detalhes sobre a ligação parental deles. A justificativa é que o Estatuto da Criança e do Adolescente traz uma série de regras para preservar as vítimas.

Após ser preso, durante o interrogatório, o homem permaneceu em silêncio. Ele já tem antecedentes policiais por estupro de vulnerável, receptação e ameaça.