Foto: Polícia Civil/Divulgação

Foi deflagrada no último final de semana a Operação Infantus em Canoas. O objetivo dos agentes da Delegacia de Proteção a Criança e ao Adolescente (DPCA) era combater o uso de menores na venda de drogas.

Quer mandar sugestões de pauta e flagrantes da sua cidade? Então, anote nosso WhatsApp: (51) 9 8917 7284

Por mais de 30 dias, segundo o delegado Pablo Queiroz Rocha – titular da DPCA –, os agentes investigaram onde ocorria essa prática.  “Os monitoramentos da Polícia Civil demonstraram onde ocorriam as atividades ilícitas.” O resultado desse mapeamento foi o fechamento de seis pontos de vendas de drogas, nos bairros Mathias Velho, Olaria e Rio Branco, que utilizavam dez adolescentes, com revezamento de turnos, para vender drogas.

Três traficantes foram presos e três adolescentes acabaram apreendidos pelos policiais. Com eles, os agentes recolheram 300 pinos e diversas buchas de cocaína, alem de porções de maconha e dinheiro. Sete menores já foram identificados, mas ainda não foram localizados.

O delegado regional Mario Souza, diretor da 2ª Delegacia de Polícia Regional Metropolitana (2ª DPRM), ressaltou que “esta foi mais uma ação fundamental contra o tráfico e para proteger as crianças e adolescentes do município da traficância”.