Foto: Reprodução

O governador Eduardo Leite deve anunciar nas próximas horas uma definição sobre o retorno das aulas nas redes pública e privada de ensino no Rio Grande do Sul. A informação será divulgada conjuntamente com os novos resultados da pesquisa de prevalência do coronavírus no Estado, desenvolvida pela Universidade Federal de Pelotas (UFPel).

Quer mandar sugestões de pauta e flagrantes da sua cidade? Então, anote nosso WhatsApp: (51) 9 8917 7284

“Vamos falar sobre as etapas previstas para o retorno das atividades escolares. Um retorno por fases. O ensino remoto será priorizado como uma excepcionalidade, pois não acredito que ele substitua o ensino presencial. Queremos que o retorno seja seguro às atividades de ensino”, salientou o governador.

A reabertura levará em conta os protocolos de segurança que o Estado está elaborando, as bandeiras de classificação de risco de cada região e os decretos municipais. As aulas seguem interrompidas pelo menos até junho, depois que o Estado antecipou o recesso escolar para maio.

Devido ao impacto da pandemia, a expectativa é de que as aulas prossigam até janeiro do ano que vem.