canoas centro lotado
Foto: Jaime Zanatta/GBC

O prefeito de Canoas, Luiz Carlos Busato, fez uma live nas redes sociais nesta segunda-feira (15). Ele atualizou as informações das ações realizadas pelo Executivo Municipal no enfrentamento da pandemia do coronavírus.

Quer mandar sugestões de pauta e flagrantes da sua cidade? Então, anote nosso novo WhatsApp (51) 9 9394 6752

Entre os temas discutidos, estavam o número de pacientes infectados pela Covid-19 na cidade que já ultrapassam a marca de 250, o funcionamento dos hospitais de campanha e o número de leitos em UTI que estão ocupados no Hospital Universitário que é referência estadual no combate ao coronavírus. A ocupação chegou a 31 espaços e Busato ressaltou que “esse número nos preocupa”.

Segundo o prefeito, quando a ocupação chegou a 25 leitos, a prefeitura acendeu um alerta e disparou um gatilho liberando mais 10. Com isso, foram emitidos decretos que fechavam as praças e comércio, além de diminuir o horário de funcionamento dos supermercados aos domingos.

Com a ocupação crescendo, Busato afirmou que essa semana é muito importante. “Se permanecer esse número durante a semana, acende o gatilho e abrimos mais 10 leitos. Aí, seremos obrigados a tomar medidas mais restritivas”.

Além disso, o prefeito também ressaltou que amanhã os prefeitos da Região Metropolitana vão se reunir para discutir medidas para combater o avanço do coronavírus nos municípios. A informação já havia sido antecipada mais cedo pela reportagem de Agência GBC. “Nos preocupa a curva de crescimento de casos na região”.