Foto: Marcelo Casal Jr./Agência Brasil

A Caixa Econômica Federal antecipou o calendário de saque em dinheiro aos beneficiários com direito a receber a primeira parcela do auxílio emergencial por terem sido aprovados no início do mês de junho.

Essas pessoas, que pertencem ao terceiro lote que a Caixa recebeu da Dataprev, teriam originalmente a liberação do saque em espécie concluída em 18 de julho.

Mudanças
Os beneficiários nascidos entre julho e setembro poderão sacar a partir da próxima segunda-feira (13). Já os nascidos entre outubro e dezembro poderão sacar de terça-feira (14) em diante. Na segunda-feira (13), seria a vez somente dos nascidos em julho, mas a antecipação incluiu os nascidos em agosto e em setembro.

Os beneficiários que receberam durante esse período e optarem por sacar o benefício em espécie deverão seguir o calendário escalonado por mês de aniversário. Nas datas indicadas, eventual saldo existente será transferido automaticamente para a conta que o beneficiário indicou, sendo poupança da CAIXA ou conta em outro banco.

Novo calendário
-13/07 – 1,2 milhões – (nascidos em julho, agosto e setembro)
-14/07 – 1,2 milhões – (nascidos em outubro, novembro e dezembro)
Calendário anterior
-13/07 – 0,4 milhões – (nascidos em julho)
-14/07 – 0,4 milhões – (nascidos em agosto)
-15/07 – 0,4 milhões – (nascidos em setembro)
-16/07 – 0,4 milhões – (nascidos em outubro)
-17/07 – 0,4 milhões – (nascidos em novembro)
-18/07 – 0,5 milhões – (nascidos em dezembro)

O pagamento
Nos dias 16 e 17 de junho, os valores de R$ 600 e R$ 1.200 (no caso de mães solteiras) já haviam sido depositados para esse público na conta poupança social digital da Caixa, de maneira escalonada conforme a data de aniversário do beneficiário.

O calendário de saque em dinheiro teve início no dia 6 de julho, também de forma escalonada pelo mês de nascimento. Contudo, a previsão inicial era que se estendesse até o dia 18 de julho, quando os nascidos em dezembro poderão sacar.

Nas datas disponíveis para saque, havendo eventual saldo existente, o valor será transferido automaticamente para a conta que o beneficiário indicou, sendo poupança da Caixa ou conta em outro banco.