Foto: APF

O governador do Rio Grande do Sul anunciou nesta segunda-feira (13) o mapa definitivo da 10ª rodada do sistema de distanciamento controlado do governo estadual. A região de Canoas permanece pelo menos até a próxima segunda-feira (20) na bandeira vermelha.

Leia também >> Em 115 dias, Canoas supera marca de 1 mil casos de coronavírus

Eduardo Leite destacou que 74,6% dos leitos de UTI estão ocupados no Estado, sendo que quase metade dessas vagas são ocupadas por pacientes confirmados ou com suspeita da Covid-19. O aumento de 75% do número de leitos de UTI desde o início da pandemia foi decisivo para evitar um colapso no sistema de saúde gaúcho.

O governador enfatizou também a redução da velocidade do contágio pela doença. Apesar disso, Leite ressaltou que a situação ainda é grave no Estado. Ao responder questionamentos da imprensa, Leite ainda falou sobre a possibilidade de o Estado adotar lockdown, algo que vem sendo requisitado e rejeitado por diferentes setores, por diferentes motivos.

Leia também >> Comércio de Canoas pode funcionar com pague e leve e drive thru a partir desta terça

“Só partimos para medidas mais restritivas à circulação de pessoas quando isso se apresentar como inevitável, mas não deixamos ou deixaremos de tomá-las quando se fizerem necessárias. Não temos medo de optar pelo lockdown, mas não o faremos, visto que estaríamos impondo um sacrifício maior do que o necessário aos gaúchos e gaúchas, que perderão muito se chegarmos a esse ponto”, afirmou Leite.