Foto: Pablo Reis/Prefeitura de Canoas

O Ministério da Saúde liberou R$ 16,39 milhões para as cidades gaúchas, em portaria publicada nesta quinta-feira (17) no Diário Oficial da União. Esse dinheiro deve ser usado para realizar ações que previnam e estudar os impactos provocados pela pandemia do coronavírus.

Canoas vai receber R$ 489.820. No total, para os municípios brasileiros, serão liberados R$ 319 milhões. Cachoeirinha receberá R$ 92.960; Esteio R$ 122.840; Gravataí R$ 340.300; Nova Santa Rita R$ 44.820 e Sapucaia do Sul R$ 189.240.

Segundo o Ministério da Saúde, os recursos têm como objetivo realizar o acompanhamento e monitoração das populações vulneráveis com síndrome gripal, suspeita ou com coronavírus confirmado, em locais como áreas remotas, abrigos, centros comunitários e de acolhimento, albergues e lares de idosos.

As populações indígenas não aldeadas; do campo, da floresta e das águas; ribeirinha; assentada; quilombola; situação de rua; povo cigano; circense; privada de liberdade; adolescentes em cumprimento de medida socioeducativa; e residente em áreas de comunidades estão entre as populações vulneráveis que, de acordo com o Ministério, devem ser atendidas.

Os recursos também podem ser utilizados para comprar equipamentos de proteção individual para os profissionais da área da saúde e treinamentos para a utilização e medidas de segurança para realizar atendimentos presenciais e visitas a domicilio.