Foto: Jaime Zanatta/GBC

A antiga Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Caçapava ficou para trás. A partir da próxima quarta-feira (20), os moradores do bairro Mathias Velho, em Canoas, vão ganhar uma nova Clínica de Saúde da Família. O prédio foi totalmente reformado e teve uma ampliação de 300 metros quadrados, indo para uma área construída de 700m².

A expectativa, conforme o secretário municipal de Saúde, Fernando Ritter, é realizar 300 atendimentos por dia. Os pacientes terão a sua disposição dois consultórios odontológicos, oito consultórios médicos, sala de triagem, sala para vacinação e até uma sala vermelha, para casos urgentes, com respirador. “O paciente que precisar da sala vermelha já garante o leito de internação em um hospital. Ainda vamos ter raio-x e outros exames”, relata o titular da pasta.

Segundo Ritter, essa é a maior entre as quatro clínicas que o município já abriu. “Temos a São Vicente, Estância Velha e Guajuviras. Mas aqui, o funcionamento será maior que nas outras, sendo de segunda a sexta das 8h às 22h e aos sábados das 8h às 16h.” A Farmácia Básica, que também recebeu novas instalações, segue funcionando de segunda a sexta das 8h às 17h.

Um dos objetivos apontados pelo secretário é desafogar a emergência do Hospital de Pronto Socorro de Canoas (HPSC), que fica ao lado da unidade. “Pacientes com menos gravidade que chegam ao HPSC serão atendidos aqui. Vamos dar o atendimento de urgência e seguir com o atendimento continuado feito pelas cinco Equipes de Saúde da Família (ESFs). Se o paciente vem aqui com uma oscilação na pressão, ele precisa ser acompanhado após o atendimento”, afirma Ritter.

Ainda nesta semana, a cidade vai ganhar mais duas clínicas nos mesmos moldes. Na quinta (22) abre a do Mato Grande e na sexta-feira (23) a Caic, no Guajuviras.