24 aves silvestres são recuperadas de cativeiro em Cachoeirinha | Agência GBC
21.2 C
Canoas
29 de novembro de 2022

24 aves silvestres são recuperadas de cativeiro em Cachoeirinha

Duas pessoas foram presas na operação

A Polícia Civil prendeu duas pessoas e apreendeu aves silvestres em cumprimento de dois mandados de busca e apreensão em Cachoeirinha, nesta quarta-feira (28).

A primeira ordem judicial foi cumprida em uma casa localizada no bairro Granja Esperança, em razão de investigação sobre o cativeiro e comércio ilegal de animais silvestres. Foram apreendidas, ao todo, quatro aves silvestres, das espécies caturrita, coleiro e canário da terra.

A segunda ordem judicial foi cumprida em uma residência localizada no bairro Nova Cachoeirinha, onde foram apreendidas 20 aves silvestres, das espécies canário, cardeal, azulão, trinca ferro, tico-tico rei, tupi e bico de pimenta.

A ação é fruto da Operação Vôo Livre, operação permanente da Delegacia do Meio Ambiente (DEMA) da que busca coibir crimes contra aves silvestres.

Os proprietários das residências onde foram apreendidos os animais responderão a procedimento policial pelo crime previsto no artigo 29 da Lei de Crimes Ambientais, com pena de detenção de 6 meses a 1 ano e multa.

A ação contou com o apoio da Secretaria Estadual do Meio Ambiente (SEMA), a qual ficou responsável pelos animais apreendidos.

MATÉRIAS RELACIONADAS

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido!