Foto: Redes Sociais/Reprodução

A Polícia Civil de São Paulo prendeu nesta quarta-feira (2), uma mulher acusada de participar do ataque em Criciúma, em Santa Catarina, na última terça (1°). Ela foi presa por crimes de tráfico de drogas e posse ilegal de armas de fogo.

Os investigadores receberam informações de que uma pessoa envolvida no crime em Criciúma estaria no Jardim Reimberg, na zona Sul de São Paulo.

Feitas as diligências no local indicado, os policiais encontraram uma grande quantidade de cartuchos de fuzil calibre 7,62 mm, dois carregadores de pistola calibre 9mm, seis tijolos de cocaína, dez telefones celulares, uma caixa contendo espoletas de acionamento de explosivos, um saco de tecido, conhecido por “saco de campanha”, duas bolsas de viagem e uma bolsa de viagem cor azul aparentando ser um porta-fuzil.

A mulher foi presa em flagrante e todos os objetos foram apreendidos.