Foto: Polícia Civil/Divulgação

A Polícia Civil investiga o caso onde uma cadela da raça Labrador é estuprada por um homem. O crime foi assistido por cerca de 30 homens, gravado e divulgado nas redes sociais.

O animal foi localizado e apreendido pela polícia. O proprietário da cadela disse aos policiais que tudo não teria passado de uma brincadeira. Tanto ele, quanto outros suspeitos, deverão ser indiciados, inclusive, também pela exposição de pessoa deficiente em situação constrangedora, já que o homem que praticou o ato teria distúrbios mentais.

Agora, a investigação busca identificar outras pessoas que aparecem no vídeo, que teria sido gravado durante uma festa de amigos numa chácara.