Uma mulher, 59 anos, morreu após sofrer um infarto na tarde do último domingo (13), em Alegrete. Segundo a polícia, a mulher foi até o Presídio Estadual do Município, visitar o filho que estava preso. Ela foi detida com entorpecentes dentro de um pacote de erva-mate.

Quando a mulher soube da presença das drogas e que seria encaminhada à Delegacia de Polícia, ela chamou outro filho para acompanha-la. Ao chegar no local ela passou mal e foi amparada pelo filho, em seguida foi levada até a UPA.

Informações dão conta de que, durante o atendimento, a mulher sofreu um infarto e faleceu na UPA.