Foto: Jaime Zanatta/ GBC

A reportagem de Agência GBC apurou que o homem preso em flagrante por estuprar um bebê de 11 meses na madrugada desta quarta-feira (16) é, na verdade, o pai da vítima. Ele foi pego pelos policiais do 15° Batalhão de Polícia Militar (15° BPM).

Conforme a Polícia Civil, populares chamaram a Brigada Militar (BM) o crime. A criança está internada no Hospital Universitário (HU) e recebe atendimento médico. Não há informações atualizadas sobre o estado de saúde dela.

O criminoso, segundo a delegada plantonista Ana Flávia Leite, tem antecedentes criminais e era foragido da justiça. A investigação confirmou que ele é pai da vítima.

O diretor da 2ª Delegacia de Polícia Regional Metropolitana (2ª DPRM), delegado Mário Souza, afirmou que “foi uma barbárie, um crime absurdo”. Além disso, ele pontuou que a ação “teve uma atuação eficiente da Brigada Militar e uma rápida autuação e diligências da Polícia Civil no hospital e em outros locais necessários a investigação preliminar.”