Foto: Jaime Zanatta/Agência GBC

A Sogal pretende pedir reajuste na tarifa do transporte coletivo de Canoas nas próximas semanas. Conforme informações apuradas pela Agência GBC, a questão está em avaliação na direção da empresa.

Conforme o diretor Marlon Casagrande, em 2020 a Prefeitura não concedeu a correção tarifária para empresa e, consequentemente, acumulou dois reajustes para este ano. “Estamos avaliando algumas alternativas para amenizar o aumento”, informa.

A Sogal ainda não decidiu o valor que vai pedir. Essa decisão vem, segundo Marlon, ainda “dentro do mês de fevereiro.”

Procurada, a Prefeitura de Canoas informou que a empresa ainda não pediu reajuste e que não tem previsão de quando essa discussão sobre as mudanças na tarifa deve ocorrer.